skip to Main Content
Curso A Distância De Criação De Peixes

Curso a distância de Criação de Peixes

A criação de peixes é uma atividade imensamente atraente, muitos fazem esse trabalho por hobby e outros profissionalmente. Afinal, a verdade é que essa ocupação é bem promissora, saiba mais com o Curso a Distância de Criação de Peixes

Se procura muito a carne de peixe porque é um dos alimentos mais salutares a que a população tem acesso. E diante de tal busca por um jeito de vida com mais saúde, a criação de peixes se sobressai como uma ótima ocasião de empreendimento. Desse modo, visando instruir aos interessados por negócio de piscicultura, a Rumo Educação EAD, recomenda o Curso a distância de Criação de Peixes – Piscicultura. Este curso esclarece com detalhes em seu conteúdo, sobre a gestão do ambiente, da água e do solo. Indica ainda, quais são as espécies mais rentáveis, montagem de estruturas, normas de manejo, abate, processamento e como comercializar.

Curso a distância de Criação de Peixes

Informações e MATRÍCULA

Outra opção de Piscicultura

Cursos econômicos

Cursos baratos

Oxigenação da água para a criação de peixes – Os aeradores

O procedimento de oxigenação da água é condição crucial para que os peixes permaneçam vivos.

A oxigenação da água na criação de peixes, é efetuada através de métodos artificiais, como os aeradores tipo chafariz, aeradores com pás. E por fim, aeradores de ar difuso e aeradores com utilização de injetores. Completamente diferente da oxigenação de lagos e rios, habitação natural dos peixes, onde ela dá-se mediante a captagem do oxigênio terrestre e também da fotossíntese. Não havendo quantidade suficiente de oxigênio na água, os peixes não duram, morrem. 

Não pode faltar a oxigenação da água nos tanques de criação de peixes, pois é um fator resolutivo para manter a criação viva.  Bem como em desenvolvimento. Em vista disso, é preciso recorrer a modos artificiais para o aumento do oxigênio da água, manter o seu nível sempre suficiente. Para tanto, é necessário controlar a temperatura e a salinidade da água.

Tipos e vantagens dos aeradores – Piscicultura – Curso a distância de Criação de Peixes

Os aeradores fazem com que os peixes estejam sempre com bom nível de oxigênio em todas etapas de crescimento. São, portanto, aparelhos que auxiliam na inclusão de oxigênio na água através de agitação nos tanques. Dessa forma, a qualidade da água é mantida, garante-se a vida dos peixes e evita-se a constante troca da água. Além de tudo, se consegue ampliar a produção e a densidade nos tanques.

Os instrumentos utilizados para melhorar a oxigenação da água, são: os aeradores com pás, aeradores de ar difuso, aeradores com injetores e aeradores tipo chafariz. Enfim, estes instrumentos auxiliam na movimentação da água do tanque, como os aeradores com pás, que funcionam como uma corrente de um rio. Essa agitação encaminha o oxigênio à faixa primária do tanque. Esse  equilíbrio de oxigênio distribuído, abastece os peixes que estão no tanque.

Os aparelhos aeradores com injetores são colocados em bombas d’água. Eles possuem bicos com saída de ar, que faz a distribuição do oxigênio no tanque com forte pressão. Desse modo, o potencial da corrente de oxigênio na água é ampliado. E esse dispositivo, ainda,  extermina esterco e restos de comida do tanque.

Outro tipo de de oxigenação da água é com os aeradores de ar difuso, muito indicado para tanques com maior profundidade. Especialmente porque ele consegue enviar o oxigênio às partes mais profundas do tanque com mais agilidade. E também é um instrumento planejado para mobilizar porções maiores de água.

Quanto aos aeradores tipo chafariz, eles fazem a distribuição do oxigênio de maneira uniforme nos tanques. Assim sendo, cada metro cúbico de água, fica completamente oxigenado. O resultado é que toda população de peixes do tanque são beneficiados com oxigênio suficiente para permanecerem vivos e com bom crescimento.

Aferição e controle da água em viveiros – Criação de peixes

A temperatura da água, como sabemos, é um dos itens mais importantes para que os peixes cresçam adequadamente. Mas, de que maneira é efetuado esse controle e medição nos viveiros? Se faz verificando a temperatura na superfície do espelho d’água, na posição entre o fundo e a superfície e finalmente no fundo do tanque.

Existem casos em que esses controles não são necessários em todos os níveis:

01 – Em tanques que não são profundos, dificilmente dá diferença de temperatura, a avaliação feita apenas num nível, é o suficiente para retratar todo o tanque. 

02 – A profundidade do viveiro sendo superior a um metro e tendo transparência de 20 a 25 cm, pode dar uma diferença de temperatura de 2ºC a 4ºC. Logo, apesar do viveiro ser raso, recomenda-se a aferição da temperatura na superfície e também no fundo do tanque.

Para o controle da temperatura da água dos tanques, se usa o termômetro digital ou o de mercúrio, ambos de fácil manuseio. Entretanto, se o termômetro utilizado para aferição for de mercúrio, se faz coleta da água do fundo do tanque para saber a temperatura. Para tal, costuma-se fazer uma adaptação, usando-se objetos simples, como: tubo normalmente de vidro com tampa de rolha, uma vareta com tamanho certo para chegar ao fundo do tanque e um fio com o mesmo comprimento da vara. Curso Online Criação de Peixes.

Outros cursos na área de Piscicultura

Curso criação de tilápias em tanques-rede

Produção de tilapias em tanques escavados

Camarao agua doce ou salgada

Produção de peixes e hortaliças no sistema de aquaponia

Camarão de agua doce alimentação

Nutrição e alimentação dos peixes cultivados

Cultivo de peixes em sistemas de recirculação de água – ras

Nutrição de peixes piscicultura

Reprodução e larvicultura de peixes

Curso  pela internet Criação de peixes – Como implantar uma piscicultura

 

Confira todos os cursos na área de Agronegócio (Piscicultura) e outras áreas. Navegue em nosso site.

This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top